Fórum de interação para aqueles que criam personagens inspiradas nos livros e séries favoritas.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Frederich Catherwood

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Francieli
Aqueles que escrevem
Aqueles que escrevem
avatar

Mensagens : 71
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/03/2015

MensagemAssunto: Frederich Catherwood   Qua Ago 05, 2015 11:30 am

Frederich Archer Hammond Catherwood
Lufa-Lufa, 6º ano.



Foi em Houston no Texas onde se deu a origem da história da família Hammond Catherwood, e consequentemente de Frederich. Amber Hammond era uma jovem de seus 20 anos, filha de fazendeiros proprietários de terras e gado. Muito ligada à natureza e a tudo que a envolvia; gostava principalmente de cavalgar pelos arredores das terras da família. Ela também sempre manteve um interesse pelos negócios dos pais, já que herdaria os bens e propriedades dos mesmos. Tornara-se filha única desde seus dez anos de idade, quando perdeu sua irmã por problemas de saúde.

Assim, foi em uma dessas cavalgadas próximo a um lago que descobriu Albert Catherwood. O jovem era três anos mais velho do que ela e foi praticamente amor a primeira vista. Marcavam de se encontrar sempre que podiam. O rapaz morava perto do centro urbano de Houston. A família dele tinha sangue mágico correndo pelas veias, sangue puro, e ele o herdara. Já a de Amber não, eram trouxas, por assim dizer no mundo mágico. Albert se formou na faculdade e tornou-se cirurgião. Mas não era apenas mais um cirurgião qualquer. Ele com um pouco da ajuda de feitiços, poções e ervas mágicas, curava ‘milagrosamente’ os pacientes que outros não podiam. Por isso abriu seu próprio consultório particular, recebendo os casos que precisavam de seus cuidados especiais.

No começo foi difícil para as famílias aceitarem as diferenças por causa das linhagens sanguíneas e abençoarem o relacionamento dos jovens. No entanto o amor foi maior e mais forte e logo se casaram e tiveram quatro filhos. Do mais velho para o mais novo: Jeremy, Bell, Frederich e Aisha. Jeremy é o mais velho e não é bruxo, formou-se na faculdade e ajuda a família a administrar os negócios das fazendas. Um pouco frustrado por não ter magia correndo nas veias, usa disso como um meio de conseguir sempre o que quer; chantagem barata. Têm planos de se casar com a namorada e se mudar para longe dali.

Bell é mestiça e estudou em Hogwarts, mas já completou seus 18 anos e decidiu seguir os passos do pai. Exerce carreira de medibruxa juntamente com ele em seu consultório. Aisha é a caçula da família e assim como Jeremy é uma trouxa. Ela certamente é a que mais sofre com isso. Queria ser igual Bell, que é seu espelho na vida. Tem um bom coração e sempre pede para o pai ou para a irmã realizarem feitiços para ela ficar contente e deslumbrada. É uma forma dela não se sentir tão inferior. Ela que não sabe que é uma das mais espertas entre todos eles. Consegue ver coisas que os outros não podem, e sabe entender as pessoas como ninguém. Pode-se dizer que ela é sensitiva.

E por fim, mas não menos importante... Frederich. Ele também é mestiço e o nerd da casa. Descobriu que tinha a magia no sangue quando tinha oito anos, quando em um estado de êxtase fez a água do copo que segurava levitar no ar por alguns poucos segundos, mas fez. Desde então sofria constantes porradas e zoações do irmão mais velho. Já que Jeremy não podia descontar em mulheres e nem em outra coisa, via em Fred um saco de pancadas para aliviar a raiva por não ser bruxo também.

Fred teve que bolar planos e estratégias além de melhorar sua agilidade para fugir constantemente do irmão. Por sorte ele era magro e aprendeu a correr rápido, e também escalar, subir em telhados, árvores, etc. Havia dias em que ficava a tarde toda sentado nos galhos das árvores, apenas com sua máquina fotográfica (que era um dos seus hobbies) ou um caderno para anotações. Raras as vezes que conseguia pegar algum aparelho eletrônico mais sofisticado para lhe fazer companhia ali em cima. No entanto, apesar do motivo específico fez daquilo um hábito. Quando estava lá conseguia fotografar as coisas que mais gostava e achava bonito, além da calmaria para poder colocar os pensamentos em ordem.

Em Hogwarts também não era nada do tipo sociável. Gostava de se excluir no Dormitório ou Salão Comunal de sua casa. Ou ainda na Biblioteca. Também gostava de ir aos Jardins e no Lago, onde podia subir em alguma árvore e ficar lá sozinho. Não se interessava por Quadribol, gostava mais do Xadrez Bruxo ou coisas relacionadas com conhecimento e magia, como a Astronomia que também lhe interessava bastante. Levava a sua câmera para dar uma volta algumas vezes, fotografando coisas que o interessavam. Ocupava-se em tirar boas notas em Hogwarts e aprender sempre mais sobre a magia e feitiços. Gostava de praticar sozinho sempre quando podia. Mas também se arriscava a aventurar-se pelo castelo, não tinha muito medo do perigo, a emoção do desconhecido e a adrenalina eram maiores do que o medo de ser pego ou de se meter em uma encrenca enorme.

Apesar de ser todo nerd e introvertido possui amizade com alguns garotos da Lufa-Lufa e Corvinal, pelos interesses parecidos e jeito peculiar de agir. Também já teve um amor durante sua vida. Mas foi uma decepção amorosa, já que seus sentimentos não eram correspondidos pela sua melhor amiga. Foi uma situação muito problemática, mas que se resolveu após se afastar da garota e ir à psicólogos. Agora se isola e se mantém longe de problemas amorosos ou brigas.
——————————

ficha técnica


Frederich A. H. Catherwood

Conceito: Nerd, Leal, Explorador.
Físico: 2
Mental: 3

Vida: 8
Mana: 12

Perícias
Combate Mágico (4)
Acrobacia (3)
Coragem (2)
Vigor (1)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Frederich Catherwood
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Livro Aberto :: Acervo :: Sobre os Personagens-
Ir para: